Molho de Tomate Caseiro Artesanal do Caiuxo

Caseiro pois é feito em casa, duh, artesanal porque é meio chatinho mesmo. Mas fica uma delícia, vale a pena, e é ótimo pra quando você tá a fim de fazer comida com amor e paciência. Sem aditivos, o sabor nem se compara ao dos comprados prontos. Dá pra guardar em vidrinhos na geladeira e ir comendo aos poucos, o que levanta qualquer massa para uma refeição rápida — sem esquecer do requinte.

A foto tá uma merda. Só tem metade no vidro pq era tão bom que comi primeiro e escrevi a receita depois.

A foto tá uma merda. Só tem metade no vidro pq era tão bom que comi primeiro e escrevi a receita depois.

Para um vidro, tu vai precisar de:

  • 4 tomates grandes bem maduros (de preferência daquele tipo comprido)
  • 4 dentes de alho
  • 5 folhinhas de manjericão fresco do miúdo
  • 2 colheres de chá de sal
  • 1 colher de chá de açúcar
  • 1/2 cebola cortada em cubos
  • Pimenta do reino a gosto
  • 1 xícara de chá de azeite de oliva (sim)

Numa panela com onde caibam os tomates sem sobrar muito espaço, coloca-se metade de xícara de azeite no fundo, e os tomates inteiros (apenas com a “cabeça” cortada) por cima.

Tampar e deixar em fogo baixo até que os tomates amoleçam (aproximadamente 10 minutinhos), virando-os na metade do processo para que cozinhem por igual.

(Alguns fogões podem ter a chama forte demais e acabar queimando, então é interessante suspender a panela colocando outra embaixo.)

Retirar do fogo. Nesse momento a pele dos tomates vai sair com facilidade. Basta fazer um corte lateral e ir puxando com um garfo. Não precisa ser muito perfeccionista com isso, basta retirar o excesso. (Na panela mesmo isso tá.)

Com os tomates pelados, voltar ao fogo baixo e adicionar à panela os dentes de alho inteiros e o restante do azeite. Tampar. Após uns 3 minutos, com um garfo vá amassando os tomates até que fiquem uma pastinha. Novamente, não precisa ser muito perfeccionista, basta evitar que fiquem pedaços grandes. 

Adicionar o manjericão, o sal, o açúcar e a pimenta. Manter em fogo baixo, e enquanto isso:

Numa mini frigideira, refogar a cebola picada num fio de azeite até que fique transparente. Adicioná-la à panela. Cozinhar mexendo por mais uns cinco minutos, sempre em fogo baixo.

Retirar do fogo e esperar até que esfrie um pouquinho para evitar um desastre no próximo passo, que é:

Colocar o que você tem na panela no liqüidificador e bater até atingir a consistência linda de molho de tomate. (A cor não vai ficar aquele supervermelho de supermercado, o que é normal. Não se desespere. O sabor é mil.)

Paciência e boa sorte!

Anúncios
Padrão